Partilhar

O que aí vem:

Jan19 Cerimonia de Abertura: Guimarães 2013 Cidade Europeia do Desporto

Xan29-Fev3 'Eoloh' (novo circo - 'Los artistas provienen del Cirque du Soleil y de espectáculos de circo de primer nivel mundial') - Teatro Centro Cultural Novacaixagalicia / Vigo

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Queima das Fitas / Semanas Académicas 2010



«Foi a partir de 1899 que se começou a alicerçar o que, mais tarde, virá a ser a Queima das Fitas, com a realização do “Centenário da Sebenta” que pretendeu ser uma réplica aos centenários comemorados entre 1880 e 1898, no intuito de homenagearem diversas figuras e factos. O ponto comum destes centenários era a sua apresentação pública na forma de um cortejo, com fogo de artifício, sarau e touradas.
Porém, estas formas de homenagem não eram as mais próprias, uma vez que deturpavam o verdadeiro significado das efemérides. Surge assim, a ideia da realização de um centenário humorístico, ridicularizando os até então feitos, tomando por base a sebenta, compilação dos apontamentos do professor.
[...]
Nos anos seguintes o 4º ano jurídico organiza festas da mesma espécie e introduz um aspecto inovador, o queimar das fitas que se usavam nas pastas e que eram indicadoras da sua condição de pré-finalistas. A fita é uma consequência das pastas dos meados do século passado que tinham para prender as duas partes que a compõem, três laços de fita estreita da cor da Faculdade do utente, um de cada lado, ao meio das bordas da pasta. O queimar das fitas acabou por se transformar num acto simbólico cujo significado assenta no atingir um objectivo próximo: o término do curso.
[...]
No ano de 1913 um episódio marcou a história das festividades académicas, quando no dia 27 de Maio, devido a um incidente motivado pela Academia, um tenente da guarda ficou sem o boné. Eivados da característica irreverência académica os estudantes gritavam constantemente: ” olha o boné “. Devido à repercussão que o facto teve na época, este dia foi tornado, durante muitos anos, como o dia principal dos festejos.
[...]
Mas foi de facto neste ano, 1919 que as celebrações académicas começaram a adquirir a estrutura que conservam actualmente. Pela primeira vez os finalistas de todas as faculdades celebraram em pleno a festa da Queima das Fitas, para além de se ter dado um passo importante para a sua sedimentação.» in queimadasfitas.org

Aí estão algumas das Queimas em destaque próximamente:
      • Abr29-Mai2 Semana Académica Barcelos
      • Abr29-Mai8 Semana Académica Faro
      • Abr30-Mai9 Semana Académica Guarda 
      • Mai 2-9 Queima das Fitas do Porto
      • Mai3-10 Semana Académica Bragança 
      • Mai3-8 Semana Académica de Lisboa
      • Mai7-14 Queima das Fitas Coimbra 
      • Mai8-15 Enterro da Gata  Braga 
      • Mai20-28 Semana Académica Setúbal 
      • Mai28-Jun5 Queima das Fitas Évora

          quinta-feira, 29 de abril de 2010

          Musica, Teatro, Arte: temporada de Festivais 2010

            Alguns festivais em destaque, especialmente de média/longa temporada, para todos os gostos:
          • Fev-Dez Festival Allgarve Edition 2010  (Musica, Animação, Arte, Gastronomia)
          • Abr-Out Vigo "cidade de soños": «O proxecto CIDADE DE SOÑOS é que a cidade convírtase,  por un período de tempo,  nun provocador de ideas, e tamén sucesos, coa arte como conductor,  mudando o seu entorno máis próximo [...] Cómpónse das seguintes actividades: 1 Natureza e arte. Exposición de escultura / 2  Paisaxe urbano. Artistas na rúa / 3 PEGADAS E FUME»
          • Abr6-Jun27 MUAU 12.0 MUSEO URBANO DO ARTE URBANA - Un museo para a rúa (A Coruña)
          • Abr17-Mai29 Festival de Música (clássica) Cidade de Lugo
          • Abr21-Jun17 Primavera Musical 2010 - 16º Festival Internacional de Música de Castelo Branco
          • Abr30-Mai29 Festival de Música da Maia 2010
          • Mai2-Jun7 Sementes - XV Mostra Internacional de Artes para o Pequeno Público (Almada)
          • Mai6-28 FATAL 2010 - 11º Festival Anual de Teatro Académico de Lisboa
          • Mai6-30 FIMFA LX 2010 - Festival Internacional de Marioneta e Formas Animadas (Lisboa)
          • Abr-Dez Vigo A Escena 2010: Teatro profissional e amador por toda a cidade com entrada livre
          • Todo o ano: Festival SinSal (Vigo): «música para as catro estacións: O cartel de artistas nútrese das propostas máis vangardistas e de músicas contemporáneas no seu afán por chegar a todo o público»
          • Mai8-Jun27 Música clássica: Festival Mozart (A Coruña)
          Mais festivais se seguirão em breve, estejam atentos!

          quarta-feira, 28 de abril de 2010

          Abr29 Dia Mundial da Dança



          «O Dia Internacional da Dança vem sendo celebrado no dia 29 de abril, promovido pelo Conselho Internacional de Dança (CID), uma organização interna da UNESCO para todos tipos de dança.
          A comemoração foi introduzida em 1982 pelo Comitê Internacional da Dança da UNESCO. A data comemora o nascimento de Jean-Georges Noverre (1727-1810), o criador do balé moderno.
          Entre os objetivos do Dia da Dança estão o aumento da atenção pela importância da dança entre o público geral, assim como incentivar governos de todo o mundo para fornecerem um local próprio para dança em todos sistemas de educação, do ensino infantil ao superior.» in Wikipedia

          Alguns eventos em Portugal nesta celebração:

          • Abr28 «At Once» no Balleteatro Escola Experimental / Porto
          • Abr29 «Vermelho, Encarnado e Rubro» 3º Experimental / Porto
          • Abr29 «Num espaço público da cidade, neste dia especial, algumas academias de dança reúnem-se e oferecem um espectáculo que apresenta várias coreografias, em vários estilos» (CM Póvoa de Varzim)
          • Abr29 1º “Flash Mob Dance” em Braga
          • Abr29-30 V Gala Internacional de Bailado - Teatro Camões / Lisboa
          • Abr 29-Mai2 «Leiria assinala o Dia Mundial da Dança com três espectáculos» (CM Leiria)
          • Abr30 «COMEMORAÇÕES DO DIA MUNDIAL DA DANÇA 2010» Casa das Artes - Arcos Valdevez
          • Abr30 IPJ de Viseu comemora Dia Mundial da Dança
          ..e mais algumas sugestões no Correio do Minho

          segunda-feira, 26 de abril de 2010

          Literatura em destaque


          A seguir se enumeram algumas apresentações de livros para esta semana, seleccionadas como interessantes e com uma temática eclética:
          • Abr27 Apresentação livro «Emotional Expression - The Brain and the Face» Coordenação por Freitas-Magalhães  FNAC - Stª. Catarina
          • Abr27 Apresentação livro «Capitão de Abril, Capitão de Novembro» Livro de Coronel Sousa e Castro FNAC Stª Catarina
          • Abr28 Apresentação livro «FALAR É FÁCIL» de José Diogo Quintela (Gato Fedorento) FNAC - Braga
          • Abr30 «Um livro, um filme» (Filme «Eraserhead» de David Lynch / Convidado: Prof. Dr. Daniel Serrão) Casa de Camilo - VN Famalicão
          • Abr30 Apresentação pública do II volume das Obras de Bernardino: Museu Bernardino Machado - VN Famalicão

          sexta-feira, 23 de abril de 2010

          Dois novos Museus abrem este fim de semana

          Poderão ser visitados a partir deste fim-de-semana estes dois novos museus, dos quais se destaca a inciativa única de criação de um «museu vivo» do vinho em Portugal


          • «A partir do dia 24 de Abril, o Aliança Underground Museum vai disponibilizar para fruição pública sete colecções do espólio do Comendador Berardo, juntando-se aos já existentes: Museu Colecção Berardo (CCB), Sintra Museu de Arte Moderna; Museu Monte Palace (Madeira). O novo projecto da Colecção Berardo, com acervo da sua colecção, inaugura dia 24 de Abril, às 16h, na Aliança Vinhos de Portugal, em Sangalhos, Anadia. [...] Um espaço que conta com sete colecções: Colecção Arqueológica; Arte Etnográfica Africana; Escultura Contemporânea do Zimbabué; Colecção de Minerais; Colecção de Fósseis; Azulejos e Cerâmica das Caldas. No dia 25, domingo, o Aliança Underground Museum estará de portas abertas podendo ser visitado pela população em geral.» in Aliança Underground Museum

          • «O Projecto Aveiras de Cima – “Vila Museu do Vinho” vai ser inaugurado no próximo dia 24 de Abril, sábado, pelas 15:30 horas. Segue-se um conjunto de actividades, onde se destacam a visita às instalações da Taberna e Centro de Interpretação (Casa da Câmara), a visita a adegas e a uma vinha, culminando com um lanche na vinha com produtos regionais. Aveiras de Cima – “Vila Museu do Vinho” é uma iniciativa única a nível nacional, que pretende recriar um “museu vivo”, onde os visitantes poderão interagir com os espaços, os materiais, e conhecer o ciclo do vinho. Poderão ser visitadas 17 adegas – algumas fundadas em finais do século XIX, outras mais modernas criadas há poucos anos - todas propriedades privadas, e produtoras de vinho branco e tinto. Ao circular pela Vila de Aveiras de Cima, o visitante encontrará devidamente assinaladas nas ruas e nas fachadas das adegas as placas identificativas da “Vila Museu do Vinho”.» in CM Azambuja

          quinta-feira, 22 de abril de 2010

          25 Abril



          Aqui ficam algumas das iniciativas pelo país na celebração da Democracia:

          Exposições
          Abr16-30 «De passagem pelo...25 de Abril de 1974» : Pretende-se recolher, reunir e divulgar toda a bibliografia existente, recortes de jornais, filmes, etc., sobre a ”Revolução dos cravos”, acontecimento marcante da história de Portugal do século XX- Biblioteca Municipal Dr. Renato Araújo / S. João da Madeira
          Abr11-Mai5 “A Guerra dos cartazes” - Biblioteca Municipal Almeida Garrett / Porto
          Abr1-27 “25 DE ABRIL: MEMÓRIA E PROJECTO DE UM TEMPO RECENTE” - Trofa

          Música
          Abr23 Concerto «Venham mais Cinco» Lisboa
          Abr25 «A REVOLUÇÃO CORAL» - Coro Casa da Música
          Abr24 "Viver a Liberdade em Gondomar"
          Abr24 «HIP-HOP 25 ABRIL» - Casa da Música
          Abr24 Grupo RAÍZES - Theatro Circo / Braga
          Abr24 «20 Canções para Zeca Afonso» Centro Cultural Vila Flor / Guimarães
          Abr25 «CANTOS RENASCIDOS» 35 Anos de canções renascidas de João Junqueira CdA - VN Famalicão
          Abr23 «A Formiga no Carreiro» por Companhia Demente THSC / Porto
          Abr 24 «José Afonso - O Canto da Utopia» Montemor-o-Novo

          Teatro
          Abr25 «Cartas por Abril»: Teatro Casa da Comédia - Lisboa

          Vários
          Abr23-25 Comemorações do 25 de Abril na Maia
          Abr24-25 Comemorações do 35º Aniversário da Revolução em Barcelos
          Abr25 Arraial no Largo do Carmo - Lisboa
          Abr23-25 «25 de Abril em Arouca»


          Conferências
          Abr27 Mesa Redonda "25 de Abril de 1974" - Auditório CP2, Campus de Gualtar, Braga
          «O Reitor da UMinho e o Prof. Marcelo Rebelo de Sousa são alguns dos intervenientes. A sessão inicia pelas 15h30 e tem entrada livre. O objectivo é dar a conhecer ao público alguns testemunhos deste Movimento Contemporâneo da História de Portugal.» UM
          Abr25 Conversa(s) sobre José Afonso em Canas de Senhorim

          Abr23 Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor


          «O Dia Internacional do Livro teve a sua origem na Catalunha, uma região semi-autónoma da Espanha.
          A data começou a ser celebrada em 7 de outubro de 1926, em comemoração ao nascimento de Miguel de Cervantes, escritor espanhol. O escritor e editor valenciano, estabelecido em Barcelona, Vicent Clavel Andrés, propôs este dia para a Câmara Oficial do Livro de Barcelona.
          Em 6 de fevereiro de 1926, o governo espanhol, presidido por Miguel Primo de Rivera, aceitou a data e o rei Alfonso XIII assinou o decreto real que instituiu a Festa do Livro Espanhol.
          No ano de 1930, a data comemorativa foi trasladada para 23 de abril, dia do falecimento de Cervantes.
          Mais tarde, em 1996, a UNESCO instituiu 23 de abril como o Dia Mundial do Livro e dos Direito de Autor, em virtude de a 23 de abril se assinalar o falecimento de outros escritores, como Josep Pla, escritor catalão, e William Shakespeare, dramaturgo inglês.» in Wikipedia

          Neste dia decorrem várias e interessantes actividades, das quais algumas descritas a seguir:

          Book Crossing: é um movimento que «visa transformar o mundo inteiro numa biblioteca. Os bookcrossers são pessoas que gostam tanto de livros que não se importam de se separar deles, libertando-os, para que possam ser encontrados, e lidos, por outros.» Associam-se a esta iniciativa, por ex, a FNAC e Bertrand Livreiros, juntamente com outros eventos:
          • «A Fnac associa-se, assim, à comemoração do Dia Mundial do Livro, promovendo esta troca de livros usados entre a comunidade, e dando a possibilidade a todos de, em plena baixa do Porto, escolherem e levarem 1 ou mais livros previamente entregues nas lojas Fnac por outras pessoas. Por isso se de repente, ao passar na baixa do Porto, vir uma estante com livros, não deixe de parar, para escolher um deles e, depois de o ler, já sabe, coloque-o num local onde possa vir a ser lido por outras pessoas.» CM Porto
          • Na próxima sexta-feira, a Bertrand Livreiros também assinala o Dia Mundial do Livro com uma série de iniciativas de norte a sul do país. Em Lisboa, à porta da livraria do Chiado com um livro com cerca de dois metros para que quem quiser possa deixar um testemunho. as cidades de Lisboa, Porto, Coimbra, Braga, Faro, Aveiro, Viseu, Guarda, Leiria, Vila Real, Castelo Branco e Aveiro irão decorrer acções de bookcrossing, deixando livros ao acaso em vários pontos de todas estas cidades.


          Livraria Centésima Página, com «sessão de Autógrafos e Apresentação do livro Pin, Uma explicação da Ternura, de Luísa Azevedo, da Editora Edita-me»


          Na Galiza também se associam com poemas na rua elaboradas com livros  «Cen mil libros formarán nas prazas de seis grandes cidades galegas o poema Negra sombra, de Rosalía de Castro. A Consellaría de Cultura celebra o Día do Libro, o vindeiro 23 de abril co proxecto Ágora libros. Os libros nas prazas, coordinado pola artista Luz Darriba. A intención é que voluntarios e alumnos de centros de ensino conformen nas prazas do Obradoiro (Santiago), Maior (Lugo e Ourense), da Estrela (Vigo), a Ferraría (Pontevedra) e mais en Palexco (A Coruña) cadansúa estrofa da obra a partir das nove da mañá en letras que medirán catro metros de longo por dous de ancho. Ás nove da noite os libros, doados por centros de ensino, bibliotecas e outras institucións, distribuiranse entre os asistentes ao evento. » C. Galega


          E nada como celebrar do melhor e mais simples modo, aproveitando para começar a ler um livro!

          quarta-feira, 21 de abril de 2010

          Abr22 Dia Mundial da Terra



          «O Dia Mundial da Terra teve a sua primeira edição no dia 22 de Abril de 1970, nos Estados Unidos, e, desde então, nunca mais cessou no seu projecto de celebrar a terra e renovar o compromisso global de construir um planeta cada vez mais seguro, saudável e limpo. Em 1990, o dia 22 de Abril foi adoptado mundialmente como o Dia da Terra, dando um grande impulso aos esforços de reciclagem e de protecção do ambiente a nível mundial.
          Fundado pelo senador americano Gaylord Nelson, do Estado de Wisconsin, e organizado por Denis Hayes, advogado ambiental e presidente da Bullitt Foundation, uma fundação ambiental em Seattle, o Dia Mundial da Terra é um evento anual que promove a cidadania ambiental através da realização de variadas acções a nível local.
          Uma economia livre de carbono, baseada em energias renováveis, o compromisso individual com vista a um consumo responsável, e uma economia verde que proporcione a criação de empregos verdes são os seus princípios básicos.» in  Ambiente Online

          «No dia 24 de Abril, a Earth Day Network propõe um Dia Global de Celebração das conquistas feitas através dos Actos Verdes, organizando 40 eventos em todo o mundo. O evento principal terá lugar em Washington, DC, mas serão realizados outros em cidades como Londres, Bombaim, Sidney, Rio de Janeiro, Pequim, Tóquio e Barcelona.
          A 22 de Abril, realize você também o seu Acto Verde, celebrando o Dia Mundial da Terra.» in Correio do Minho

          Amanhã há algumas iniciativas um pouco por todo o país, tais como por exemplo:

          • Almada, com um conjunto de actividades que dão a conhecer o património natural existente no concelho
          • Porto, com «Serão da Bonjóia: Ciclo Porto Cidade de Ciência Geodiversidade: porque precisamos de a conservar? Pelo Prof. Doutor José Brilha»


          domingo, 18 de abril de 2010

          Viajar, prevenir e...Recordar é Viver!


          Viajar, conhecendo outras culturas e povos traz sem dúvida algum sentido à nossa vida pela troca de experiências, além disso e como já alguém disse «Recordar é Viver»
          Como mais vale prevenir e para que fiquem apenas boas recordações e experiências, aqui ficam algumas dicas (algumas sobejamente conhecidas) resultantes não só de alguma experiência pessoal e bom senso,  mas também de pesquisa feita sobre algumas das «boas práticas»:

          Embaixadas/Consulados:
          • Levar o numero de contacto e apurar com antecedência a quem/aonde nos dirigirmos ou contactar em caso de alguma eventualidade (sem esquecer durante o fim-de-semana, pois os consulados estão normalmente encerrados durante esse período). No site da Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas poderá obter contactos de consulados pelo mundo  
          • «O Gabinete de Emergência Consular está integrado na Direcção Geral dos Assuntos Consulares e Comunidades Portuguesas e visa a prestação de apoio consular, em situações de emergência, aos cidadãos nacionais que se encontrem no estrangeiro. O Gabinete de Emergência Consular funciona 24 Horas com um sistema de atendimento permanente através dos números 707 202 000 ou do telemóvel 96 170 6472. O Gabinete disponibiliza, ainda, um Sistema de Gestão de Emergência que oferece um serviço de registo que permite aos nacionais que viajam para o estrangeiro informar sobre a sua identificação, contactos mais directos, percurso(s) da viagem com indicação do(s) país(es) de destino, datas de partida e chegada, locais de pernoita e respectivos contactos, bem como a indicação, opcional, do nome de um familiar ou amigo a ser contactado em situação de emergência.» Sem dúvida um bom sistema, só é pena que de cada vez que comunico a minha rota de viagem por email, nunca tenha recebido confirmação de recepção dos mesmos nem que tal foi efectivamente  comunicado ao país de destino...um aspecto a melhorar! (mail: gab.emergencia@dgaccp.pt)
          Saúde:
          • Se vai viajar para um país da União Europeia, obtenha gratuitamente o seu Cartão Europeu Seguro de Doença-CESD, podendo ser adquirido, por exemplo, na Loja do Cidadão
          Furtos em geral (carteiristas, ...) ou extravios:
          • Levar fotocópia de Bilhete Identidade / Cartão de Cidadão ou guardar cópia digitalizada na caixa de e-mail, pois poderá ser impresso de qualquer parte do mundo sempre que necessário
          • Em caso de roubo de documentos, fazer imediatamente participação na esquadra de policia mais próxima e guardar (religiosamente!) a cópia desse documento, irá fazer falta não só para justificar a ausência de documentos originais em qualquer circunstância como também para juntar o mesmo às fotocópias dos documentos de identificação que trouxerem (para mostrar na companhia aérea no checkin durante o regresso, por exemplo, eles normalmente precisam de ficar com cópia)
          • Cartão de crédito: em caso de extravio ou roubo, além da óbvia comunicação imediata ao banco emissor, muitos bancos têm um serviço já incluido de adiantamento de dinheiro para as necessidades imediatas (despesas hotel, transporte, etc) levando-o ao local onde se encontra, mesmo durante o fim-de-semana. Deverá ler o regulamento anexo ao contrato assinado do seu cartão, e em caso de dúvidas contactar a entidade ou banco emissor do cartão para saber as condições específicas aplicáveis.
          • Telemóvel: elaborar cópia de segurança de alguns numeros-chave memorizados no telemóvel numa folha em separado para ter sempre à mão em caso de qualquer eventualidade ou emergência (banco, familiares e amigos, consulado/embaixada, seguradora, assistência em viagem, numeros de emergência do país de destino, etc)
          • Locais com sinais de perigo/informação indicando zona de carteiristas: NUNCA levar a mão ao local do corpo onde temos carteira ou o dinheiro escondido, pois muitos carteirista (irónicamente!) estão próximo dessas áreas e atentos, servindo-se desse gesto (reflexo tão comum!) para escolher potenciais vítimas
          • Bolsas em viagem: geralmente as bolsas ou carteiras adquiridas em lojas vulgares não são à prova destes larápios, e embora sem prevenção não haja milagres, mais vale investir numa bolsa mais segura (por ex: PacSafe) para prevenir ao máximo estas ocorrências. Se preferirem usar uma bolsa dita «normal», pelo menos usar uma com fechos de correr e fechá-los uns contra os outros com pequenos cadeados.
          (Alguns links relacionados com carteiristas:)
          Se conduzir fora do país:
          • «O que devo fazer se for para o estrangeiro? O automobilista deve verificar se tem a sua Carta Verde válida para todo o período da viagem e para os países que vai visitar. As coberturas contratadas são válidas para todos os países indicados na Carta Verde. No entanto, para países que não estejam indicados na Carta Verde podem beneficiar das mesmas garantias solicitando uma extensão territorial para eles.» in APS
          Acidentes «menores» de viação no estrangeiro ou com automóveis matrícula estrangeira (contacto directo entre dois veículos, choque/colisão, não existindo danos para além dos dois veículos envolvidos):
          • No caso de acidente entre dois automóveis do nosso país no estrangeiro, o assunto resolve-se em princípio de maneira mais rápida e fácil com o preenchimento da declaração amigável (DAAA); tal será depois tratado pelo processo habitual ao abrigo do acordo entre (a maior parte das) seguradoras portuguesas (protocolo IDS).
          • No caso de sinistro com um veículo do país que visitamos, não é tão simples assim, pois não existem (infelizmente) acordos de tipo IDS entre as seguradoras de Portugal com outros países da União Europeia, portanto este processo poderá ser um pouco mais moroso até ficar tudo resolvido.. as recomendações nestes casos são:
          • Deve-se solicitar sempre a presença das autoridades para registar a ocorrência, assim podemos ficar com uma cópia do auto para apresentar à nossa seguradora em Portugal.
          • Preencher a «declaração amigável», seja a nossa versão ou a do país estrangeiro  (existente em vários países da União Europeia), e nunca esquecer de reter alguns dados do outro veículo e condutor, tais como: numero da carta verde, contacto telefónico, matrícula, etc
          • «Acidentes ocorridos no estrangeiro: Contacte o Gabinete Nacional de Seguros desse país para formalizar a sua participação - o contacto de todos os Gabinetes Nacionais Estrangeiros encontra-se no verso da sua Carta Verde.» in G2
          • «Como proceder em caso de acidente com um veículo de matrícula estrangeira? Deve contactar o GABINETE PORTUGUÊS DE CARTA VERDE, que funciona junto da Associação Portuguesa de Seguradores (APS) e pelo telefone n.º 21 384 81 01/38/32 ou na morada: Rua Rodrigo da Fonseca n.º 41 - 1070-157 Lisboa. O sistema de Carta Verde é uma convenção internacional, denominada Convenção Multilateral de Garantia, que tem por objectivo facilitar a circulação rodoviária. » in ISP
          • Mesmo seguindo os procedimentos acima, se o contrato com a sua seguradora tiver sido feita com um mediador de seguros, tal facilitará um pouco mais a nossa tarefa, pois geralmente os mesmos disponibilizam-se para tratar de todo o processo com a seguradora do outro veículo estrangeiro sinistrado. Se fez contrato directamente com uma seguradora sem mediador (por ex daquelas apenas com serviço telefónico), preparem-se para tratar de todos os imprevistos que ocorrerem durante o processo...
          • Imobilização do veículo por acidente ou avaria: de uma maneira geral (em Espanha pelo menos) o reboque, por intermédio da nossa seguradora, traz o automóvel de regresso ao nosso local de residência. No caso de outros países, e mesmo para dúvidas em geral, deverá ser contactada a seguradora préviamente para confirmar disponibilidade deste serviço.
          • Algumas informações complementares: O que fazer em caso de acidente automóvel?
          À parte as dicas acima, aqui fica também uma importante informação complementar de sites oficiais, e que focam alguns destes e outros assuntos gerais sobre viajar:
          1. Conselhos aos Viajantes (Portal das Comunidades Portuguesas)
          2. Portugueses no estrangeiro (Ministério dos Negócios Estrangeiros)
          E também de alguns sites estrangeiros (em inglês):
          Boa Viagem!

          sexta-feira, 16 de abril de 2010

          Museu do Oriente promove Festa do Japão de Abril a Maio


          Com eventos e actividades ecléticos; programação completa aqui

          Museu este que também merece referência por estar nomeado para o prémio EMYA (Museu Europeu do Ano de 2010), «o mais importante galardão atribuído à museologia europeia e que este ano será entregue em Maio na cidade finlandesa de Tampere» in Expresso

          Projecto de ópera na pedreira de Vila Viçosa


          «Vila Viçosa prepara-se para desenvolver um projecto marcante para a cultura nacional e internacional, apostando na transformação e adaptação de uma pedreira, a escassos quilómetros do centro histórico da vila, numa sala de espectáculos [...]
          Situada na estrada que liga Vila Viçosa a Bencatel, a pedreira, já inactiva, vai ser adaptada para acolher, nos meses de Verão, um espectáculo lírico singular, num espaço único que alia beleza natural, condições acústicas excepcionais e um repertório de ópera. [...]
          A uma escala verdadeiramente impressionante, num território complexo, prevê-se que o festival de ópera arranque em Julho de 2011, dando corpo a um projecto que figurará como um dos poucos no mundo e, sem dúvida, como o único em Portugal.» in CM Vila Viçosa

          Embora pensado inicialmente para um festival específico, espera-se também alguma flexibilidade para qualquer tipo de espectáculo, condição imprescindível para poder manter vivo um espaço que se espera marque por uma envolvente  única.
          E serve de exemplo a muitos outros espaços por esse país a precisar de idéias semelhantes!
          Sem dúvida, um projecto a seguir com atenção!



          quarta-feira, 14 de abril de 2010

          Abr18 Dia Internacional de Monumentos e Sítios


          «Tendo por base a directiva proposta pelo ICOMOS para 2010, o IGESPAR lança o tema "Património Rural/Paisagens Culturais" para comemorar o Dia Internacional de Monumentos e Sítios, no dia 18 de Abril. À semelhança das edições anteriores, diversas entidades públicas e privadas irão associar-se a esta comemoração através de iniciativas que darão a conhecer um património que a todos cabe preservar.
          No próximo dia 18 de Abril, venha descobrir o património rural e as paisagens culturais do nosso país!» in IGESPAR

          O IGESPAR disponibilizou um programa completo e extenso de todo o Continente e Ilhas no qual se pretende «divulgar actividades atractivas para o público em geral, alargadas a todo o país»: muitas actividades estão previstas, tais como visitas guiadas a monumentos, percursos pedestres, actividades educativas, etc

          De realçar ainda que uma cidade como Braga com tanto para visitar marque presença nesta iniciativa apenas com uma visita! Porque será que tal já não surpreende?


          Entre as algumas ausências desta iniciativa está, por exemplo, o magnífico Palácio da Brejoeira em Monção (também no Facebook) e o interessante Castro de São Lourenço em Esposende. Embora sem visitas guiadas, este último está aberto ao público todos os dias e tem tabuletas com alguma informação.

          Boas visitas!

          quinta-feira, 8 de abril de 2010

          Elaborar Um Centro de Compostagem Caseira


          «O Projecto Terra-à-Terra dirige-se a todos os cidadãos que habitam na área de influência geográfica da LIPOR. Se tem jardim e vive num dos Municípios Associados da Lipor, inscreva-se no Terra à Terra - Projecto de Compostagem Caseira!  O Projecto Terra à Terra visa promover a redução de resíduos orgânicos ao nível das habitações dos Municípios da Lipor (Espinho, Gondomar, Maia, Matosinhos, Porto, Póvoa de Varzim, Valongo, Vila do Conde). Após a frequência de um Curso de Compostagem Caseira de 3 horas, gratuito, os participantes recebem um compostor, oferecido pela Lipor!» in LIPOR

          A LIPOR – Serviço Intermunicipalizado de Gestão de Resíduos do Grande Porto – é a entidade responsável pela gestão, valorização e tratamento dos Resíduos Sólidos Urbanos produzidos pelos oito municípios que a integram : Espinho, Gondomar, Maia, Matosinhos, Porto, Póvoa de Varzim, Valongo e Vila do Conde.

          De realçar também outras acções de formação interessantes, tais como: Fruticultura, Agricultura Biológica, Aproveitamento Integral dos Alimentos, etc

          Inscrições e contacto através da página Horta da Formiga, no link «actividades»

          segunda-feira, 5 de abril de 2010

          Abr7 Dia Nacional dos Moinhos seguido de Dias dos Moinhos Abertos


          «Os moinhos de Portugal, verdadeiras sínteses do encontro humano com a natureza, são expressões genuínas da cultura material das regiões e reflectem também modos de vida, mentalidades, formas de ver o mundo e o lugar dos homens. Este valioso património, transmitido de geração em geração, apura-se em cada tempo e lugar com invenções e adaptações que acrescentam variedade a um mesmo princípio elementar de funcionamento.» (Rede Portuguesa de Moinhos, em Prefácio do livro «Portugal - Terra de Moinhos»)

          Celebra-se no próximo dia 7 Abril o Dia Nacional dos Moinhos
          Tal será complementado nos dias 10 e 11 (Dias dos Moinhos Abertos) cujo propósito, segundo os responsáveis, é «fazer funcionar em simultâneo e abrir ao público para acesso livre tantos moinhos quantos for possível em todo o país!»

          Para quem quiser saber um pouco mais sobre este tema, recomenda-se a leitura da entrevista em 2009 a Jorge Miranda, membro da direcção da Rede Portuguesa de Moinhos, onde se abordam temas como os tipos de moinhos, o estado geral dos mesmos em Portugal, conceito de Molinologia, etc

          Aqui ficam entretanto algumas sugestões de actividades e visitas um pouco por todo o país:

          • 7 Abril: percurso pedestre «visita guiada aos moinhos do Barreiro e Alhos Vedros» organizado pelo município do Barreiro
          • 7 Abril: realização de actividades «lúdico-pedagógicas em torno do ciclo do pão e da actividade moageira» no município de  Penafiel
          • 10-11 Abril: vários moinhos abertos para visita ao público, segundo brochura a disponibilizar pela Rede Nacional de Moinhos
          • 11 Abril realiza-se perto de Fátima o 1.º PASSEIO PEDESTRE "NOS TRILHOS DA RAPOSA” [...] cujo percurso inclui parte da já conhecida “Rota dos Moinhos"
          • Passeio pedestre “Por Serras de Al-Ruta” PR1 em Arruda dos Vinhos, que se realiza por inciativa de cada um , incluindo passagem por alguns moinhos
          • Actividades e visitas várias sob o tema “Moinhos Adormecidos de Lisboa
          • «14 moinhos do distrito de Aveiro vão estar abertos para visitas gratuitas nos próximos dias 10 e 11 de Abril»
          • CM Seixal associa-se igualmente com várias actividades e exposições
          • Penacova: actividades e visitas várias

          Alguns museus: 

          Outros sites de interesse sobre moinhos:
          Na foto em baixo:  Moinho do Custódio em Vila de Arranhó (Arruda dos Vinhos)